Kit de Reparo para Caiaques - Caiaker

Código: CKPKTR
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
  • R$ 32,54 Pagar.me v4
  • R$ 30,91 Pix
  • R$ 30,91 Boleto Bancário
  • R$ 32,54 Pagar.me v4
  • R$ 30,91 Pix
  • R$ 30,91 Boleto Bancário
  • R$ 32,54 Pagar.me v4
  • R$ 30,91 Pix
  • R$ 30,91 Boleto Bancário
  • R$ 32,54 Pagar.me v4
  • R$ 30,91 Pix
  • R$ 30,91 Boleto Bancário
  • R$ 32,54 Pagar.me v4
  • R$ 30,91 Pix
  • R$ 30,91 Boleto Bancário
  • R$ 32,54 Pagar.me v4
  • R$ 30,91 Pix
  • R$ 30,91 Boleto Bancário
  • R$ 32,54 Pagar.me v4
  • R$ 30,91 Pix
  • R$ 30,91 Boleto Bancário
  • R$ 32,54 Pagar.me v4
  • R$ 30,91 Pix
  • R$ 30,91 Boleto Bancário
  • R$ 32,54 Pagar.me v4
  • R$ 30,91 Pix
  • R$ 30,91 Boleto Bancário
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

Kit de Reparo para Caiaques

 

Este material possibilita um conserto grande ou em média 03 consertos pequenos.

 

*Material*

 

Tiras em polietileno

Tela em Aço Inox

 

*Itens de Série*

 

10 Tiras em polietileno

1 Tela em Aço Inox

 

*Instruções de Uso* 

 

O reparo de qualquer peça de polietileno, como os caiaques devem ser feito com o derretimento e sobreposição, na região danificada, de pequenas partes do próprio material polietileno. Outros materiais não aderem ao polietileno. Este processo chama-se solda.

No caso de fissuras ou rachaduras pode-se utilizar também uma telinha de metal que será depositada no local para aumentar a resistência e prevenir novas rupturas.

Este derretimento do polietileno deve ser feito com um aquecedor de ar tipo para serigrafia (1200Watts). Caso não haja um aquecedor deste disponível pode-se utilizar um secador de cabelo. Quanto maior for a potência do secador de cabelo mais fácil e rápido será o processo. Secadores de cabelo muito fracos talvez não consigam atingir a temperatura adequada para a solda.

É extremamente importante pré aquecer a superfície do caiaque onde se vai depositar o plástico quente, com o aquecedor de ar, até poder grudar com a parte derretida. O ponto de aquecimento correto é aquele em que a superfície começa a ficar brilhante e muda de cor, tornando-se maleável e moldável com uma chave de fenda, por exemplo. Não se deve aquecer exageradamente, a ponto da peça começar a deformar. O aquecimento demora cerca de 20 segundos com o aquecedor de serigrafia. No caso do secador de cabelo isto pode levar bem mais, dependendo da potência. Não tomar estes tempos como base. A melhor maneira de saber o tempo é experimentando com a chave de fenda.

 

Pequenos furos

 

Para o reparo de pequenos furos deve-se enche-los com polietileno. Para isto derreter pequenas porções e aplica-las sobre o furo, ajeitando ou formando com uma ferramenta como a chave de fenda, que precisa estar fria. (convém deixar um pote com água fria sempre perto para esfriar a ferramenta que terá contato com o plástico quente). Após o fechamento do furo com o material depositado, pode-se aquecer novamente a região e passar um pano de algodão molhado, de forma a regularizar a superfície, melhorando assim a aderência do reparo e também o acabamento. O ideal é que a superfície se torne lisa sem partes em relevo.

 

Remendos

 

Para o reparo de rachaduras ou rasgos é preciso depositar uma tira de polietileno derretido no sentido do rasgo, espalhando para ambos os lados da fissura de forma a tornar a superfície do caiaque e o plástico que foi depositado uma coisa única.

Inicialmente deve-se derreter a tira de plástico até que esta comece a mudar de cor e ficar mole, e também deve-se aquecer a região onde será colada a tira. Então deve-se depositar a tira amolecida no local e continuar aquecendo a região como um todo.

Neste momento deve-se apertar com a chave de fenda o plástico que estará mole, espalhando pela região. Não é preciso esticar o plástico e sim espalha-lo de forma a fundir com a superfície do caiaque. (convém deixar um pote com água fria sempre perto para esfriar a ferramenta que terá contato com o plástico quente).

Convém colocar pequenas tiras por vez, sempre aquecendo bastante a tira antes de tentar gruda-la na região.

É conveniente derreter a tira ao mesmo tempo em que se aquece a superfície a ser colada. Para isto pode-se colocar o aquecedor apontado para a região do caiaque a ser consertada e a tira entre estes dois, quase encostada ao aquecedor. Desta forma a região do caiaque será aquecida e a tira também, porém mais rapidamente, pois esta está mais próxima.

Após a deposição de 1 ou 2 tiras de plástico no local danificado fechando a rachadura existente, deve-se aquecer novamente o local e colocar a telinha de metal no sentido do rasgo apertando com a chave de fenda de forma que esta penetre no plástico de ambos os lados da fissura. Esta telinha irá proporcionar grande resistência à região que estava quebrada impedindo que esta volte a abrir. É preciso fazer toda a telinha penetrar no plástico (algumas partes desta telinha podem ainda estar visíveis, mas toda ela deve estar afundada e grudada). Depois de colocada a telinha, a fissura estará fechada e deve-se passar à fase de acabamento, se necessário. Para isto deve-se derreter mais pedaços de plástico e depositar nos locais a onde a telinha ainda está aparecendo, até que esta fique totalmente coberta. Por fim pode-se aquecer novamente a região e passar um pano de algodão molhado, de forma a regularizar a superfície, melhorando assim a aderência do reparo e também o acabamento.

O tamanho da telinha a ser usada vai variar de acordo com a região a ser consertada. Se tratar-se de uma rachadura extensa em local plano pode-se cortar a telinha em 2cm de largura pelo comprimento da fissura. Caso seja um local irregular do casco (não plano) talvez seja melhor cortar a telinha em 1cm largura pelo comprimento da fissura. Em alguns casos, quando o local for muito irregular, pode-se colocar mais de um pedaço da telinha no tamanho de 1cm por 1cm com uma pequena distancia entre eles que a resistência será a mesma. O ideal é tentar planejar a forma que será colocada a telinha na fissura antes de começar o trabalho e ver que tamanho é mais adequado.

Produtos relacionados

R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
R$ 32,54
ou R$ 30,91 via Boleto Bancário
Pague com
  • Pagali
  • Pix
Selos

Kai Caiaques - CNPJ: 46.402.010/0001-54 © Todos os direitos reservados. 2024


Para continuar, informe seu e-mail